A cosia mais simples e fácil do mundo devia ser gostar de alguém. É uma coisa tão primitiva e natural que deveria ser simples. Deveria acontecer todo dia. A gente se apaixona todos os dias, por rostos diferentes, sonhos diferentes, vontades diferentes, mas não gosta. Gostar é difícil, e não acontece todos os dias. A gente pode estar com alguém, mas mesmo assim sentir falta de gostar. Como pode isso? Por que a gente tem medo de gostar? E de gostarem da gente? Doi tanto assim?
Agora chove, e tudo o que eu queria era ter alguém pra eu querer, para eu querer o mundo, querer estar perto. Isso me faz esbarrar no passado, e se mistura com esse presente tão confuso, tão cheio de sentir. Não estou reclamando! - eu grito para mim mesma. Mas tem hora que sentir demais confunde, da medo, me causa impulsos. Ai Ai.. tudo, ao mesmo tempo, agora!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mundo mundo vasto mundo

Criança